null
null
null
““Tales of the Sea” é um apaixonante projeto de conservação do meio marinho, que compartilha a nossa serenidade e espírito colaborativo, ao qual nos unimos com vista a contribuir com o nosso grão de areia: tuda conta. Porque o apoio de grandes e pequenos, é imprescindível para atingir:​


​ ​ GRANDES MUDANÇAS ​
COM PEQUENAS AÇÕES
null
O projeto, no qual a Springfield participa com a Fundación Oceanogràfic e a Fundación Plastic Free, com a colaboração da Câmara municipal de Xávea e Aqualung, tem como objetivo limpar a praia da Granadella em Xávea e o seu fundo marinho, com a ajuda de voluntários, e posteriormente libertar duas tartarugas recuperadas no programa de Conservación del Oceanogràfic.
null
As tartarugas recuperadas e libertadas no mar, a quem chamámos Springfield e Reconsider, levam um dispositivo GPS que nos permite fazer o seu seguimento através de sinal satélite, permitindo assim estudar os seus hábitos no seu ambiente natural. ​

​ Pretendemos com este projeto consciencializar e fazer a nossa pequena contribuição para o meio ambiente, dando visibilidade ao trabalho de diferentes fundações pela conservação dos nossos mares e dos seres vivos que habitam neles.
null
As tartarugas marinhas, para além de serem animais muito carismáticos, são muito úteis como espécies guarda-chuva para a conservação dos mares, porque despertam simpatia e ajudam a cultivar a consciência ambiental. Estas tartarugas, que podem chegar a medir 120 centímetros de comprimento e pesar uns 160 quilos, são igualmente utilizadas como bioindicadores para medir o impacto do lixo marinho sobre elas: ficam agarradas a plásticos ou a redes à deriva, muitas delas acabam por danificar as barbatanas, sendo, por vezes, obrigadas a ser amputadas.
null
Nos últimos 200 anos, apenas aninharam no litoral valenciano tartarugas-bobas (Caretta caretta), uma das sete espécies de tartaruga marinha, considerada pela União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) como estando numa situação dependente ou vulnerável. A Espanha envida os esforços necessários para que estes animais, habituais da zona atlântica e do mediterrâneo oriental, se alimentem nas suas águas, mas para que também aninhem nas suas costas, assegurando assim a conservação da espécie no seu território.
null

OS NOSSOS EMBAIXADORES​

Rafa Fernández é fotógrafo submarino. Apesar da sua dupla engenharia especializada em Energia e Organização Industrial, desde criança, sentiu-se muito ligado ao mundo marinho, sendo que decidiu seguir os passos do seu pai, um fotógrafo submarino também. Hoje é o campeão de fotografia submarina mais jovem do mundo. ​ ​

Gádor Montaner é uma jovem oceanóloga especializada em tubarões. Licenciada em Ciências do Mar, com Mestrado em Gestão de Recursos Marinhos, especialista em estudos de poluição marinha e apaixonada pela vida nos oceanos. Não podes imaginar a tua vida longe do mar... nem da ciência.
null
null
null
null
null